de Domenico Cimarosa, 1792

Ano

2007

Local

Teatro São Pedro, São Paulo

Regência

João Maurício Galindo

Direção

Lívia Sabag

Direção de Arte

Renato Theobaldo

Cenografia

Roberto Rolnik Cardoso

Figurino

Olintho Malaquias

Iluminação

Eduardo Albergaria

 
 

Este “dramma giocoso” teve como inspiração inicial uma série de gravuras chamadas “Marriage à-la-mode” de William Hogarth, onde o artista satiriza a maneira como, em sua época, os casamentos eram negociados sem considerar a opinião e os sentimentos dos jovens envolvidos. Estas gravuras foram o ponto de partida para o trabalho de direção de arte e para uma série de experimentos que envolveram o projeto. Queríamos que o cenário e o figurino comentassem o espaço decorativo e o rebuscamento que há nas gravuras. O cenário é composto de uma série de paredes duplas de pintura sobre um suporte de tecido transparente. As paredes têm rodízios que permitem aos cantores rapidamente redesenhar a planta de cada cena. O figurino mantém esta mesma idéia de sobreposição de materiais e tratamento de pintura.