de Giacomo Puccini, 1904

Ano

1999

Local

Teatro Alfa, São Paulo

Regência

Isaac Karabtchevsky

Direção

Carla Camurati

Cenografia

Renato Theobaldo

Figurino

Ciça Modesto

Iluminação

Wagner Pinto e Carina Camurati

Remontagem

Teatro Municipal de São Paulo Teatro Municipal do Rio de Janeiro 

 
 

O desejo era construir um cenário delicado e sutil como uma gravura japonesa, com o mínimo de elementos possíveis. Todo o cenário foi feito com um tecido chamado organdi que não existe mais, o que possibilitou uma densidade de tratamento muito especial. Na concepção inicial o cenário literalmente viria abaixo, desmontava completamente no grand finale. No primeiro ensaio com cenário percebemos que, com a sequência dramática culminando com a morte de Butterfly, a queda não poderia acontecer. O cenário, como estava, já era suficiente para envolver a ação.